NOTÍCIAS


COMPANHIA NACIONAL DE BAILADO FAZ ESPECTÁCULO DE HOMENAGEM AO BALLET GULBENKIAN

OBSERVADOR
Manuel Moura/LUSA




A Companhia Nacional de Bailado (CNB) vai apresentar em março um espetáculo de homenagem ao legado do Ballet Gulbenkian, extinto faz este ano uma década, com um programa que inclui quatro coreografias, uma delas em estreia mundial.

De acordo com a CNB, o espetáculo — intitulado “BG” — irá ser apresentado entre 12 e 29 de março, no Teatro Camões, em Lisboa, com a estreia da peça “Será Que é Uma Estrela?”, de Vasco Wellenkamp. Do programa do espetáculo fazem ainda parte as coreografias “Treze Gestos de Um Corpo”, de Olga Roriz, “Twilight”, de Hans van Manen, e “Minus 16″, de Ohad Naharin.

“Será Que é Uma Estrela?”, de Vasco Wellenkamp, tem figurinos de Liliana Mendonça, desenho de luz de Vítor José, e as canções serão interpretadas por Maria João com João Farinha, ao piano. “Beatriz”, de Edu Lobo/Chico Buarque, “Eu te amo”, de Tom Jobim/Chico Buarque, “Eu sei que vou te amar”, de Tom Jobim/Vinicius de Moraes, são as canções desta nova peça coreográfica de Wellenkamp.

A peça “Treze Gestos de Um Corpo”, um coreografia originalmente concebida por Olga Roriz para o Ballet Gulbenkian, tem música de António Emiliano, cenografia e figurinos de Nuno Carinhas e desenho de luz de Orlando Worm. “Twilight”, com coreografia de Hans van Manen, tem música de John Cage, cenografia e figurinos de Jean-Paul Vroom, desenho de luz de Jan Hofstr, e Paulo Pacheco ao piano. A peça “Minus 16″ tem coreografia e figurinos de Ohad Naharin, desenho de luz de Bambi e a música é uma colagem de composições de diversos autores.

O programa “BG” é apresentado em associação com a Fundação Calouste Gulbenkian, entidade que criou em 1965 o Ballet Gulbenkian, que viria a cumprir 40 anos de atividade e a marcar várias gerações de bailarinos e coreógrafos do país. O espetáculo irá em digressão nacional a 10 e 11 de abril ao Porto, no Teatro Municipal Rivoli, dia 18 de abril em Évora, no Teatro Garcia de Resende, no dia 17 de julho a Almada, no Teatro Municipal de Almada.

A CNB irá apresentar no dia 11 de março, às 21h, um ensaio geral solidário cuja receita reverte a favor de quatro instituições: Associação Quinta Essência — Uma Nova Linguagem para a Incapacidade, Associação Mais Proximidade Melhor Vida (AMPMV), Mundo a Sorrir – Associação de Médicos Dentistas Portugueses, e Associação Portuguesa de Síndrome de Asperger (APSA).




 

Notícias relacionadas:
    •  Em nome da Dança
    •  CNB no Teatro Municipal de Almada
    •  Viana inspira Olga Roriz | Rádio Renascença

    •  Olga Roriz vai levar "Nortada" para a CNB | Jornal de Notícias

    •  Electra no Teatro Camões

    •  Electra 

    •  Retrato a nu

    •  O solo de Electra
    •  Olga Roriz estreia “Electra”
    •  Hans Van Manen e George Balanchine
    •  Uma noite de três bailados

    •  CNB estreia três obras com projecto «Dançar em Casa»
    •  Três peças na mesma noite

    •  Pague um e veja três. As novas criações da CNB
    •  "A Sagração da Primavera" de Cayetano Soto em Braga
    •  CNB leva «Sagração da Primavera» ao Teatro Camões
    •  Companhia Nacional de Bailado com três estreias absolutas
    •  Uma dança em forma de assim
    •  Noite Ronda, da Companhia Nacional de Bailado, pelo canal 180
    •  Noite de paixão
    •  "Noite de Ronda", de Olga Roriz, no Teatro Camões
    •  BAILARINOS FAZEM ENSAIO GERAL SOLIDÁRIO PELA ASSOCIAÇÃO ALZHEIMER

    •  CNB APRESENTA "LA VALSE" NO TEATRO CAMÕES
    •  ENSAIO GERAL SOLIDÁRIO ENCHEU O TEATRO CAMÕES


    •  A FORÇA DO MOVIMENTO DE RORIZ EM DIÁLOGO COM UMA CNB DE ALTO NÍVEL


    •  A MINHA ECONOMIA: OLGA RORIZ
    •  ÍPSILON - DANÇA 2012: 10 ESCOLHAS

    •  CEM ANOS DE ENIGMA

    •  TRIUNFO DA PRIMAVERA
    •  A VERDADEIRA PRIMAVERA REVOLUCIONÁRIA
    •  E VIVERAM IMPOSSÍVEIS PARA SEMPRE
    •  AMOR DE COSTAS CEGAS

    •  OLGA RORIZ APRESENTA NOVO TRABALHO NO TEATRO CAMÕES

    •  ORFEU E EURÍDICE |  RTP 2 - AGORA
SENTIR PRIMEIRO, PENSAR DEPOIS E DANÇAR SEMPRE
2014-10-17

Nova criação de Rui Lopes Graça mistura bailarinos e músicos numa peça atravessada por emoções violentas, desmesuradas. Porque havemos de estar sempre a pensar?
 
TEMPESTADES. A CONTAMINAÇÂO DO CLÁSSICO
2014-10-17

Sturm und Drang diz-lhe alguma coisa? Pois bem, é a base do novo espectáculo da CNB. Coreografia de Rui Lopes Graça e música de Pedro Carneiro.


 
JOSEFINA TOCA VIOLINO DESCALÇA E DEIXA-SE LEVAR PELA DANÇA
2014-10-17

Músicos e bailarinos juntam-se em 'Tempestades', a nova coreografia de Rui Lopes Graça com a Companhia Nacional de Bailado e a Orquestra de Câmara Portuguesa. Estreia hoje (17 Out.), no Teatro Camões, Lisboa.

 
COMPANHIA NACIONAL DE BAILADO ESTREIA TEMPESTADES

2014-10-17

A nova criação do coreógrafo Rui Lopes Graça, intitulada "Tempestades", com conceção musical de Pedro Carneiro, tem hoje (17 Out.) estreia mundial pela Companhia Nacional de Bailado (CNB) no Teatro Camões, em Lisboa.

 
TEMPESTADES NO TEATRO CAMÕES

2014-10-17


"Tempestades" é o nome da nova criação de Rui Lopes Graça com música do compositor Pedro Carneiro.
 
Páginas:
Notícias por categoria:
Imprensa (142)
Televisão (29)
Revistas de Dança (5)
Rádio (18)
Blogs (3)
Críticas (13)
Jornais Digitais (59)
Outros (3)
Todas (254)
Consultar Arquivo