NOTÍCIAS


Piazzola inspira Companhia de Bailado
Jornal de Notícias


O coreógrafo holandês Hans van Manen orgulha-se de ter sido o primeiro a usar a música do "fabuloso compositor" Astor Piazzola para um bailado, em 1977, intitulado "5 Tangos", que será apresentado a partir de amanhã, às 21 horas, em Lisboa.

O trabalho de van Manen vai estar em destaque no programa de dança da Companhia Nacional de Bailado (CNB) deste mês, que inclui ainda a peça "Adagio Hammerklavier", esta com estreia em Lisboa.

Enquanto em "5 Tangos" o coreógrafo explorou os fortes sentimentos evocados por este estilo de música, mas incluindo a dança em pontas, "Adagio Hammerklavier" representa uma homenagem às virtudes do bailado clássico e é dançado por um elenco de seis bailarinos. As duas peças revelam a versatilidade de Hans van Manen para coreografar em contextos musicais tão diversificados como os de Piazzola e Beethoven.

Hans van Manen nasceu em Amstelveen, na Holanda, há 77 anos, e continua a criar coreografias com um ritmo intenso, numa carreira profissional iniciada em 1951, no Ballet Recital de Sonia Gaskell.

Em Portugal, o Ballet Gulbenkian dançou sete coreografias de Hans van Manen, entre 1992 e 1998, das quais se destacam "Canções sem palavras" (1978), "5 Tangos" (1982) e "Grosse fuga" (1988).

Hans van Manen, que estará uns dias em Lisboa para acompanhar os espectáculos da CNB, revelou que está neste momento a criar uma nova peça coreográfica com base em canções alemãs.

Integrado no programa "Dançar em casa", o novo espectáculo da CNB é repetido na sexta e no sábado, às 21 horas, e no domingo, às 16, com actuações ainda a 4 e 5 de Março, às 21 horas, e no dia 6, às 16, sempre no Teatro Camões.

O programa de três bailados inclui ainda "Serenade", de George Balanchine (1904-1983).




LAMENTO DE AMOR
2014-02-27

Não é uma ópera que aqui se apresenta, mas uma peça de dança, esclarece, desde logo, a coreógrafa Olga Roriz.

 
E VIVERAM IMPOSSÍVEIS PARA SEMPRE
2014-02-26

Olga Roriz faz do mito de Orfeu um longo e eterno lamento. Não há que temer, avisa Gonçalo Frota, não falta beleza a um amor consumido pela dor.

 
OS SACRIFÍCIOS EM NOME DO AMOR NA PEÇA DE OLGA RORIZ

2014-02-25

A nova coreografia de Olga Roriz, "Orfeu e Eurídice", que se estreia na quinta-feira, em Lisboa, inspirada na tragédia do mito grego, coloca em palco os sacrifícios que se fazem por amor, disse a artista à agência Lusa.

 
DIE DREI SAULEN DES ERFOLGS

2013-12-31

Temperamento, energia e expressão combinadas entre os bailarinos principais da Companhia Nacional de Bailado, Filipa de Castro e Carlos Pinillos, em "Cantata" de Bigonzetti.

 
A HISTÓRIA DA GATA BORRALHEIRA ESTÁ EM CENA NO TEATRO CAMÕES
2013-12-03

A Companhia Nacional de Bailado apresenta um conto de Natal para toda a família - "Cinderela", do britânico Michael Corder.
 
Páginas:
Notícias por categoria:
Imprensa (129)
Televisão (28)
Revistas de Dança (5)
Rádio (16)
Blogs (3)
Críticas (11)
Jornais Digitais (58)
Outros (3)
Todas (239)
Consultar Arquivo